pHmetria Esofágicas

Exame que monitora o pH intra-esofágico, tendo como objetivo quantificar a intensidade da exposição da mucosa esofágica ao ácido, pesquisando a doença do refluxo gastroesofágico.

Tudo o que precisa saber

Antes de realizar a pHmetria esofágica solicitada por seu médico (a) é muito importante conhecer um pouco sobre o mesmo. Caso ainda tenha mais alguma dúvida, a equipe da NU.V.E.M estará sempre disponível a auxiliá-ló (á).

Exame que monitora o pH intra-esofágico, tendo como objetivo quantificar a intensidade da exposição da mucosa esofágica ao ácido, pesquisando a doença do refluxo gastroesofágico.

Através deste exame, não é possível pesquisar refluxo não ácido, ou refluxo gasoso, isto só pode ser realizado com o exame de pHimpedanciomeria esofágica. A pHmetria permite estabelecer a correlação dos sintomas apresentandos durante o exame, com os episódios de refluxo (índice de sintomas).

  • Sintomas típicos de refluxo (azia, queimação), porém com resultado de endoscopia normal (sem esofagite).
  • Sintomas típicos de refluxo (azia, queimação) sem resposta satisfatória ao tratamento.
  • Manifestações atípicas da doença do refluxo, tais como: rouquidão, tosse crônica, pigarro, asma, laringite.
  • Avalição pré-operatório para fundoplicatura, e pré bariatrica, segundo recomendação do médico assistente.

Realizamos pHmetria Esofágica em crianças a partir 2 meses de idade até idosos. Há poucas contra indicações absolutas que serão avaliadas individualmente.

vera 1

Será introduzido uma sonda/catéter bem fino (2mm) pelo nariz até o esôfago. A narina será previamente anestesiada com xylocaína geléia (informe se for alérgico), o que facilita o deslizamento do cateter. Serão necessários movimentos de deglutição para o cateter passar ao esôfago, que serão orientados pelo médico assistente. Durante a introdução do cateter o paciente poderá sentir pequeno incômodo ou náuseas, mas sintomas passageiros.

O cateter permanecerá no esôfago de 18 a 24 horas, sendo que sua extremidade externa ficará visível, saindo do nariz, passando atrás da orelha, e será conectado a um pequeno computador, semelhante ao Holter Cardíaco.

vera 2

O aparelho ficará afixado no rosto com auxílio de adesivos antialérgicos próximo ao nariz e no pescoço. O uso de blusa aberta (com botões) facilita a colocação  do eletrodo de pele amarelo (que evita a interferência do exame), e que também será fixado a pele.

v 3

v5

Procure manter suas atividades diárias normalmente, mas tomando cuidados com o aparelho; que não poderá ser molhado de maneira alguma.  Procure manter sua alimentação normal, e pode ingerir alimentos que causem sintomas, tais como fritura, gorduras ou bebidas alcóolicas. Café ou  medicamentos com cafeina não são permitidos por “queimarem” o eletrodo e perder o exame.

Após término do exame a sonda será retirada Pode-se também, avaliar se o refluxo  foi em pé (ortostatismo), deitado (supino) ou em ambos (combinado).

A Figura  a seguir registra exame de pHmetria que será analisado e o resultado liberado ao médico assistente, para a correta conduta terapêutica.

v6

O exame de pHmetria do Esôfago são utilizados para o diagnóstico e tratamento de várias doenças, principalmente aquelas relacionadas ao refluxo gastro-esofágico.

É um exame que requer aparelhagem sofisticada, porém facilmente realizado.

O exame de pHmetria é realizado 24 horas, por isto alguns cuidados devem ser tomados para que erros não ocorram, e que o exame possa trazer os melhores resultados possíveis.

Em caso de dúvidas a nossa equipe estará sempre disponível para auxiliá-lo!

nuvete
plugins premium WordPress